Plano Verão 2016 em Suzano entra em prática em Dezembro

A partir de 1º de dezembro até 31 de março de 2017 o Plano de Verão 2016 em Suzano entra em prática pela Defesa Civil. O PPDC é um conjunto de procedimentos que norteia as ações do Conselho Municipal de Proteção e Defesa Civil (COMPDEC) nesta época do ano em que há maior incidência de chuva. Na tarde de hoje (29) o plano foi apresentando pelo secretário de Defesa Civil e Social, Álvaro Dias da Cunha a prefeita em exercício, Viviane Galvão, secretários municipais, representantes da equipe de transição do prefeito eleito Rodrigo Ashiuchi e imprensa.

A finalidade do plano é deixar em prontidão e alerta o sistema municipal e, se necessário, acionar o sistema estadual para minimizar os riscos e os danos por desastres naturais. “As ações de monitoramento realizadas ao longo do ano são intensificadas a partir de novembro. São verificadas as necessidades de medidas estruturais, como obras para minimizar ou eliminar os riscos e medidas não-estruturais, como conscientização da comunidade e levantamento de recursos materiais e humanos”, explicou Cunha.

Em caso de informação ou constatação de ocorrência por meio de monitoramento ou de inspeção em áreas de vulnerabilidade, cabe à Secretaria Municipal de Defesa Civil e Social deflagrar uma ação, por meio da Diretoria de Proteção e Defesa Civil. Suzano mantém convênio com o Centro de Monitoramento e Alerta de Desastres (CEMADEN) para o monitoramento. São três pluviômetros automáticos (Jardim Amazonas, Tabamarajoara e Jardim Lincoln), que informam em tempo real a situação e uma estação hidrológica (Vila Maluf). Todos os órgãos da Prefeitura de Suzano darão prioridade às providências administrativas e operacionais para suporte do Plano Verão.

Viviane Galvão, prefeita em exercício, ressaltou que a responsabilidade pelo Plano Verão não será exclusiva da Secretaria Municipal de Defesa Civil e Social. “Todos os designados pelas secretarias municipais para participar do Conselho estarão de plantão 24 horas por dia para atender os chamados em caso de ocorrências, inclusive nos fins de semana e feriados. Essa apresentação foi importante para todos estarem preparados e informados para dar respaldo à população no momento necessário”, afirmou.

Para o acionamento das ações, a Secretaria Municipal de Defesa Civil e Social levará em consideração critérios técnicos de avaliação, sendo a chuva o principal agente deflagrador. É a chuva que causa o maior risco de deslizamentos, além dos alagamentos, inundações e enxurradas. Ela ainda está associada a possibilidades de rajadas de ventos fortes.

A partir de 1º de dezembro deste ano até 31 de março de 2017 o Plano de verão em Suzano entra em prática pela Defesa Civil.
O Plano de Verão em Suzano 2016 entra em prática pela Defesa Civil, época de maior incidência de chuva.

O atendimento do Plano Verão 2016 em Suzano, em eventual caso de desastre natural se dá por três fases: o impacto do evento (quando há comunicação alertando sobre a ocorrência, a mobilização e a execução de salvamentos e evacuações), a fase assistencial (quando há triagem e atendimento de pessoas afetadas) e a fase de recuperação (quando há desobstrução, descontaminação e restabelecimento dos locais).

 

Ouça as melhores músicas e os maiores sucessos na: RÁDIO HELIX AO VIVO.
 

 

Rádio Helix

share on: